quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Procura-se

Recebi por email, achei bem interessante. Principalmente porque é mais ou menos por aí...

Eu quero um homem que... - Lista Original:

1. Seja lindo,
2. Encantador,
3. Financeiramente estável,
4. Um bom ouvinte,
5. Divertido,
6. Em boa forma física,
7. Se vista bem,
8. Aprecie as coisas mais finas,
9. Faça muitas surpresas agradáveis,
10. Seja um amante criativo e romântico.
____________________________________________________________

Eu quero um homem que... - Lista Revisada (aos 30 anos)

1. Seja bonitinho,
2. Abra a porta do carro e afaste a cadeira pra eu me sentar,
3 Tenha dinheiro o suficiente para um jantar agradável,
4. Ouça mais do que fale,
5. Ria das minhas piadas,
6. Carregue as sacolas do mercado com facilidade,
7. Tenha no mínimo uma gravata,
8. Aprecie comida caseira,
9. Lembre de aniversários e datas especiais,
10. Procure romance pelo menos uma vez por semana.
_________________________________________________________

Eu quero um homem que... - Lista Revisada (aos 42 anos)

1. Não seja muito feio,
2. Espere eu me sentar no carro antes de começar a acelerar,
3. Tenha um emprego fixo - goste de jantar fora ocasionalmente,
4. Balance a cabeça enquanto eu falo,
5. Geralmente se lembre das frases mais engraçadas de algumas piadas,
6. Esteja em boa forma pelo menos para mudar a mobília de lugar,
7. Use camisetas que cubram sua barriga,
8. Não compre cidra achando que é champagne,
9. Se lembre de abaixar a tampa da privada,
10. Faça a barba quase todos os finais de semana;

_______________________________________________________

Eu quero um homem que... - Lista Revisada (aos 55 anos)


1. Corte os pelos do nariz e das orelhas,
2. Não coce nem cuspa em público,
3. Não pegue dinheiro emprestado o tempo todo,
4. Não balance a cabeça até dormir enquanto eu estou reclamando,
5. Não conte a mesma piada o tempo todo,
6. Esteja em boa forma para conseguir levantar da poltrona nos finais
de semana,
7. Normalmente use uma meia combinando com a outra e cuecas limpas,
8. Aprecie um bom jantar a frente da TV,
9. Lembre do meu nome de vez em quando,
10. Faça a barba em alguns finais de semana.
___________________________________________________________


Eu quero um homem que... - Lista revisada (aos 65 anos)


1. Não assuste as crianças pequenas,
2. Lembre onde fica o banheiro,
3. Não peça muito dinheiro,
4 Ronque bem baixinho quando dorme,
5. Lembre o porquê de estar rindo,
6. IEsteja em boa forma para ficar de pé sozinho,
7. Normalmente use um pouco de roupa,
8.. Goste de comida macia,
9. Lembre onde deixou seus dentes,
10. Saiba quando é fim de semana.

_________________________________________________________________________

Eu quero um homem que... - Lista Revisada (aos 72 anos)


1. Respire,
2. Não erre a privada.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Tipos de namorado no mundo moderno

Namorado BLOG: a maioria deles é ruim e não serve para absolutamente nada. Alguns são feios que dói, mas o conteúdo é bom, então você encara. Alguns têm boa aparência, mas o conteúdo é péssimo, então não dura muito. De qualquer maneira, em algum momento você vai ter um.

Namorado computador do milhão: sempre tem um disponível. Todo mundo te alerta que a qualidade é duvidosa, mas ainda assim tem gente que arrisca. No início, serve pra quebrar um galho, mas logo logo você se arrepende.

Namorado antivírus: vive vasculhando a sua vida pra tentar achar acharalgo suspeito, e acha.

Namorado e-mail: se faz presente várias vezes por dia, mas 90% das vezes, não lhe diz nada de útil.

Namorado disquete: - Está ultrapassado há anos, mas tem gente que insiste em ter. Conteúdo limitado, não serve pra quase nada hoje em dia! Mas você ainda encontra mulher dizendo que é bom.

Namorado no-break: está ali pra te dar uma força quando você precisa, mas não agüenta muito tempo, só uns 10 minutinhos.

Namorado impressora matricial: faz mais barulho do que serviço. Extremamente lerdo e ultrapassado, mas é melhor que não ter.

Namorado impressora a Laser: bonitão e moderninho. Você pensa que está fazendo um ótimo negócio, mas na hora do "vamover", descobre que ele é muito rápido, quando você pensa que a impressão tá entrando, na verdade ela já saiu e o equipamento já foi automaticamente desligado.

Namorado Windows: todo mundo diz que não presta, mas você não vive sem ele. Muitas vezes também confundido com o namorado cd-rom.

Namorado CD-ROM: extremamente rodado, sua irmã, sua amiga, sua prima, sua vizinha e toda torcida do flamengo já experimentou, mesmo assim você também quer testar.

Namorado Linux: faz tudo que você precisa, mas requer habilidade para manuseio. Normalmente todas as suas amigas o odeiam.

Namorado Mouse: só funciona quando é arrastado e apertado. Mas quem é que vive sem ele?

Namorado papel de parede: não serve pra nada, mas é bonitinho.

Namorado proteção de tela: solta as asinhas toda vez que você não está presente. Pensa que ninguém tá vendo, mas sempre tem um pra comentar depois.

Namorado provedor de internet: vive cheio de problemas e está sempre ocupado demais pra te ouvir.

Namorado Firefox: com o tempo foi ficando pesado. Mas mesmo gordinho, você prefere continuar com ele.

Namorado Internet Explorer: mesmo que você tenha deixado de usar devido às outras opções disponíveis no mercado, ele sempre estará lá pra ocupar espaço. Não dá pra se livrar dele sem abrir mão de muitas outras coisas. Esse tipo namorado é conhecido em algumas culturas como MARIDO.

sábado, 20 de dezembro de 2008

Mulher x Cozinha

Em primeiro lugar, sou contra a idéia de que lugar de mulher é na cozinha pilotando o fogão. Os tempos modernos revelam que há cada vez mais homens dividindo esta milenar tarefa (parabéns a eles!), e há, inclusive, homens que chegam a cozinhar melhor que algumas mulheres que conheço! Mas, a discussão não será bem essa.

É claro que durante a Revolução Feminista, em que sutiãs foram queimados e conseguimos conquistar o nosso lugar ao sol, digo, no mercado de trabalho, muitos ganhos foram obtidos. No entanto, acho que nós perdemos alguns traços de feminilidade e alguns conceitos foram meio desviados. A questão de cozinhar é uma delas.

Penso que cozinhar é uma arte. E, mais do que isso, é uma demonstração de afeto. Quem cozinha por amor realmente consegue atingir sabores indescritíveis (mesmo que seja o carbono 14 profundo, mas haja amor!). Uma das minha melhores lembranças de infância era o tempo em que passava com a minha mãe deformando brigadeiros ao passar granulado e roubando uns seis ou sete de vez em quando...

O fato é que o machismo de associar mulher à cozinha criou o que eu chamo quase de uma geração com repelente! Tenho amigas que não sabem diferenciar um batedor de ovos de uma escumadeira. E quando pergunto, o que ouço são coisas do gênero: "Deus me livre ir pra cozinha! Daí é voltar pra era do espartilho. Viva o delivery!!".

Discordo disso. Como disse, cozinhar pra mim é um ato de amor. Não precisa ser para nenhum coçador de saco fagocitado pelo sofá da sala e hipnotizado pelo jogo de futebol. Seja de amor consigo mesmo! Cozinhar para conseguir comer algo limpinho, sem bichinhos rastejantes e nem dúvidas sobre a qualidade do preparo daquela coisa que você compra na rua e engole sem distinção.

E dou parabéns às moças que entendem a lição e aos moços que têm iniciativa. Como um exemplo vou comentar sobre meu amigo gaúcho cabeludo vegetariano e casado com mulher, que aprender a cozinhar sozinho aos 10 anos, e me ensinou vários pratos bacaníssimas. Homens, mirem-se neste exemplo! Podem ter passado dos 10 anos e nunca é tarde pra aprender. E, atenção, ninguém muda de lado só porque arregaçou as mangas e resolveu cozinhar alguma coisa além de miojo... É só não usar um avental cor-de-rosa demais, rsss...

Ps... WTF foi este post???

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Técnicas modernas de dar prazer para mulheres

Recebi por email, não tinha como não colocar aqui!

Em geral os conselhos relacionados ao assunto raramente rendem o sucesso esperado.
Mas não é o caso destas cinco técnicas infalíveis. Querdeixar sua parceira "louquinha" de prazer? Comece seguindo estesconselhos.
(Atenção: Segredos revelados por uma mulher.)

Técnica nº1 : Mãos Molhadas
Sim, a técnica das mãos molhadas. Certamente a mais popular entre as mulheres.
Tão simples... Tão excitante... Você vai deixá-la sem fôlego:
Faça sua parceira sentar-se em uma cadeira confortável na cozinha.
Certifique-se que ela consegue ver muito bem tudo que você faz.
Encha a pia da cozinha com água e adicione algumas gotas de detergente para louça com aroma. (Existem muitos aromas que podem ser utilizados -maçã, limão, lavanda - escolha o que quiser. Se estiver em dúvida, experimente o 'neutro').
Segurando uma esponja macia , submirja suas mãos na águae sinta sua pele ser envolvida pelo líquido até que a esponja esteja bemmolhada..
Agora, movendo-se devagar e gentilmente, pegue um prato sujo do jantar, coloque-o dentro da pia e esfregue a esponja em toda a superfície do prato.
Vá esfregando com movimentos circulares até que o prato esteja limpo.
Enxágüe o prato com água limpa e coloque-o para secar.
Repita com toda a louça do jantar até que sua parceira esteja gemendo de prazer.

Técnica nº2: Vibrando pela Sala
Esta técnica utiliza o que para muitas mulheres é considerado um "brinquedinho".
É um pouco mais difícil do que a primeira, mas com algum treino você vai fazer com que sua parceira grite de prazer. Cuidadosamente apanhe o aspirador de pó no lugar onde ele fica guardado.
Seja gentil, demonstre a ela que você sabe o que está fazendo...
Ligue-o na tomada, aperte os botões certos na ordem correta.
Vagarosamente vá movendo-se para frente e para trás, para frente e para trás... por todo o carpete da sala. Você saberá quando deve passar para uma nova área.
Vá mudando gradativamente de lugar.
Repita quantas vezes seja necessário até atingir os resultados.

Técnica n°3 : A Camiseta Molhada
Este joguinho é bem fácil, embora você precise de mente rápida e reflexos certeiros.Se você for capaz de administrar corretamente a agitação e a vibração do processo, sua parceira falará de sua performance a todas as amigas dela.
Você precisará de duas pilhas de roupas sujas. Uma com as roupas brancas, e outra com as coloridas.
Encha a máquina de lavar com água e vá derramando gentilmente o sabão em pó dentro dela (para deixar a mulher ofegante, use exatamente a quantidade recomendada pelo fabricante).
Agora, sensualmente coloque as roupas brancas na máquina... uma de cada vez.... devagar.
Feche a tampa e ligue o 'ciclo completo'...
Enquanto você vê sua companheira babar de desejo por você, essa é uma ótima oportunidade para pôr em prática a Técnica nº2.
Ao fim do ciclo, retire as roupas da máquina e estenda-as para secar.
Repita a operação com as roupas coloridas..
Atenção: Se nesse ponto ela começar a gritar algo como: -
"Sim! Sim! Ai! Isso! Ai mesmo! Oh meu Deus! Nãopára! Não pára não!" Não pare.Continue até que ela esteja exausta de prazer.

Técnica nº4: O que sobe, desce
Esta é uma técnica muito rapidinha.
Para aqueles momentos em que você quer surpreendê-la com um toque de satisfação e felicidade.
Pode ter certeza, ela não vai resistir.
Ao ir ao banheiro, levante o assento do vaso. Ao terminar, abaixe novamente.
Faça isso todas as vezes que for ao banheiro..
Ela vai precisar de atendimento médico de tanto prazer.

Técnica nº5: Gratificação Total - Cuidado!
Colocar em prática esta técnica pode levar sua companheira a um tal estado desublimação que será difícil depois acalmá-la, podendo causar riscosirreversíveis a saúde da mulher.
Esta técnica leva algum tempo para aperfeiçoar.Empenhe-se com afinco.
Experimente sozinho algumas vezes durante a semana e tente surpreendê-la numa sexta-feira à noite. Funciona melhor se ela trabalha fora e chega cansada em casa.
Aprenda a fazer uma refeição completa.
Seja bom nisso..
Quando ela chegar em casa, convença-a a tomar um banho relaxante (de preferência aromático em uma banheira de água morna que você já preparou).
Enquanto ela está lá, termine o jantar que você já adiantou antes delachegar em casa.
Após ela estar relaxada pelo banho e saciada pelo jantar, proceda com a Técnica nº1.
Você será eternamente "aquele" homem inesquecível"!!!

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Típico piti mulherzinha por causa do cabelo

Sábado era o casamento de uma colega minha. Apesar da noiva ter me dito há uns meses que ia querer que eu estivesse presente, não achei que ela realmente fosse convidar. Até por isso, queria ir bem pra, digamos, honrar o convite! Casamento é uma coisa especial, não se chama qualquer pessoa!

Cheguei na sexta, achei um vestido lindo, meio vinho, meio rosa, uma cor realmente bonita. Achei a bolsa perfeita. Tudo certo, só faltava o salão de beleza no dia seguinte!

Como não estou morando na cidade onde aconteceria o grande evento, pedi pra minha mãe pra marcar hora num salão perto da casa dela. Ela marcou e me avisou do horário: 16h. O casamento era às 20h. Pensei se o tempo não ficaria apertado para fazer depilação e cabelo, mas raciocinei pela rapidez do serviço na cidade onde resido agora: a depilação é feita em no máximo 30 min, o cabelo demoraria, exagerando, 1h! Afinal, meu cabelo estava tratado, maleável, fácil de pentear, não embaraçava nem dormindo com ele solto (isso é um grande feito pra quem tem cabelo crespo!). Quando molhado, ele ficava perfeitamente liso, ou seja, não seria um grande trabalho fazer escova nele!

Bom, as 16h em ponto eu estava no salão e a recepcionista me avisa que eu estava "um pouquinho beeeeeeeeem atrasada". Nesses termos. Gelei. Vi a agenda, ela disse que poderia encaixar meu cabelo (ou seja, o carinha faria correndo, entre duas outras clientes agendadas!), mas a depilação ficaria pras 19h. Depois de um quase surto, liguei pra minha mãe avisando que ela tinha me passado o horário errado (ela jura que não, mas que diferença faria àquela altura de quem era a culpa?) e ela disse que ia ligar pra outro salão pra ver se eles quebravam o galho... O salão em questão é um bem de fundo de quintal. Até aí tudo bem, por muito tempo cuidei do meu cabelo em salões bem "baratinhos", mas que davam jeito na juba! A depilação foi bem feita, só que demorou algumas horas... A menina era inexperiente, mas muito delicada, quase dormi! xD

Aí chegou a hora da escova....

A mulher começou a lavar meu cabelo... Lavou duas vezes. Meu cabelo é crespo, é seco, não se lava com xampu duas vezes. Ela quase arrancou meu couro cabeludo, pretensamente para tirar os resíduos de algo que só ela sabe o que era. Aí passou o condicionador. Mais uma sessão de tortura. E eu falando que ela tava puxando meus cabelos. Aparentemente não ouviu, porque continuou lavando meu cabelo como se fosse o diabo amassando pão. Aí, a essa altura, tava tudo embaraçado! Ela tentou desembaraçar com a mesma delicadeza com que o lavou... Quando começou a usar o secador... Oh, man! A impressão que eu tive foi que ela estava tentando fazer meu cabelo ficar do formato de um merengue de padaria, desses que vendem em saquinhos, sabe? Gotinhas de merengue... Assim ela foi secando, pra só depois fazer a escova de fato! No meio desse processo chegou a Lise, que pôde (ainda tem acento?) testemunhar a sessão de tortura capilar. A pessoa escovadora em questão tentava a todo momento me convencer a fazer uma escova de chocolate com materiais italianos sem formol (ácido fórmico não é formol? Oo), porque meu cabelo estava muito seco, as pontas chegavam a estar amarelas, enfim, meu cabelo era um caso de polícia que só ela resolveria! E isso apesar de eu ter dito que meu cabelo já era quimicamente tratado! Mas segundo ela, não tinha problema algum! Aliás, foi a única cabeleireira que conheci até hoje que disse que não tinha problema em misturar produtos químicos! =P

O resultado ficou legal, apesar de tudo. Segundo ela, a escova era tão boa que eu ficaria 3 dias com ela (pra que lavar o cabelo, né?). Passou fixador e o cacete, mas não bastou. No meio da festa o danado começou a armar e quando voltamos pra casa veio a certeza de que eu deveria ter ido com o meu bom e velho cabelo crespo, cacheadinho, humilde, mas penteável! Da próxima vez ouço minha amiga e meu namorado: vou de cachinhos!!

Aliás, esse post vai em homenagem a ele, que agüentou (ainda tem trema?) meu piti choroso enlouquecido quando depois de duas super doses de condicionador Natura, meu cabelo continuou cheio de nós! O cabelo é a vida de uma mulher, não? Ou pelo menos é a minha sanidade! xD A escova foi feita sábado, até agora ele está um troço! Mas eu hei de recuperá-lo! Com ajuda e paciência e muito creme bom!! xD
Quem tiver alguma dica de como recuperá-lo, estou aceitando sugestões! E abaixo as cabeleireiras ogras!!! \o/

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Entendendo as mulheres

Homens, inspirem-se, é muito fácil...